Por Caroline Randmer | Adaptação Web Ana Paula Ferreira

Quando o frio começa a bater à porta, a primeira vontade que aparece é a de atacar o armário das guloseimas e encher a barriga. Não é à toa, afinal, durante a época mais gelada do ano sentimos mais fome mesmo. É que, diferentemente do verão, no inverno o corpo trabalha mais para manter a temperatura corporal e, dessa maneira, acaba despendendo mais energia. “A vontade de comer aparece como um resposta natural do organismo para repor esse estoque”, conta Maria Flávia Sgavioli, nutricionista clínica funcional da Estima Nutrição, de São Paulo (SP). O problema é que não estamos falando de qualquer fome, mas uma bem específica de carboidratos. “Alimentos ricos nesse macronutriente são fontes rápidas de energia, em especial os refinados. E nosso corpo sabe disso”, diz a especialista. Ou seja, aquele pão, prato de massa, bolo e doce estão mesmo chamando e parecendo cada vez mais apetitosos. E esse é o motivo pelo qual geralmente engordamos durante o inverno.  Mas não é preciso se preocupar, pois viemos socorrê-la dessa tentação toda: é só seguir esse cardápio desenvolvido exclusivamente para a Corpo a Corpo para controlar a vontade por carboidratos e emagrecer sem fome nesse inverno. “O segredo para isso é apostar na qualidade dos alimentos e combinações inteligentes”, revela Maria Flávia Sgavioli.

O que ele tem de especial?

Já parou para pensar no motivo pelo qual nós gostamos tanto de carboidratos? É que eles estimulam a produção de serotonina, um neurotransmissor que atua no cérebro regulando, entre uma série de funções, o humor. Ou seja, carboidratos são praticamente um sinônimo de felicidade. É por isso que dietas que restringem o macronutriente fazem com que fiquemos tão irritadas. Mas fique tranquila, pois o cardápio que elaboramos para você leva tudo isso em consideração e sugere outras opções capazes de causar o mesmo efeito final que o consumo de carbos, mesmo que o faça por um caminho diferente, como carnes magras, ovos, vegetais, castanhas, azeites, chia e linhaça – alguns reduzem o estresse e a ansiedade, por exemplo. Já outros regulam o metabolismo de outros neurotransmissores também envolvidos em processos psíquicos.

1.001 benefícios

Está pronta para experimentar um cardápio totalmente funcional e desintoxicante com alimentos que remetem àquele conforto de um dia frio embaixo do cobertor? “O resultado dessa combinação é uma alimentação anti-inflamatória e antioxidante, que ajuda, além de emagrecer sem fome e de bom humor, a controlar os níveis de colesterol,  atrasar o envelhecimento, regular o funcionamento do intestino, fortalecer o sistema imunológico e prevenir doenças cardiovasculares”,  enumera Maria Flávia Sgavioli.  Só vale lembrar que cada pessoa apresenta sua individualidade bioquímica e necessidades próprias. Então fique atenta às suas intolerâncias, mas, caso não encontre nada que faça mal à sua saúde no menu abaixo, vá fundo e coloque-o em prática. Não acabou por aqui, não! Se você quer conferir o cardápio completo, basta garantir a edição 342 da Corpo a Corpo! Então corra para a banca ou adquira a sua CORPO aqui → https://goo.gl/fQncVZ