Lojas Surya
Supermercado Compre Bem
Judivan Contábil
Natália Calçados

 

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

REFLEXÕES DO PASSADO E PRESENTE: PERSPECTIVA DE MELHORA PARA O FUTURO


 

Monthly Archives: junho 2021

Com faixas estendidas no canteiro central da Esplanada dos Ministérios, indígenas pedem justiça e se posicionam contra o marco temporal – Scarlett Rocha / Apib

Nesta quarta-feira (30), o Supremo Tribunal Federal (STF) vai analisar um pedido de reintegração de posse movido pelo Instituto do Meio a Ambiente de Santa Catarina (IMA) contra a Fundação Nacional do Índio (Funai) e indígenas do povo Xokleng, referente à terra Ibirama-Laklanõ, onde também vivem indígenas Guarani e Kaingang. Foi resolvido em 2019 que a decisão deve ter repercussão geral, o que significa que o que for decidido servirá para fixar uma tese de referência a todos os casos envolvendo terras indígenas, em todas as instâncias do judiciário. Uma dessas teses, defendida por ruralistas e setores interessados na exploração das terras indígenas, é a do chamado “marco temporal”, para que os povos originários só tenham direito à terra se estivessem sob sua posse no dia 5 de outubro de 1988, data de promulgação a Constituição Federal. Na prática isso significa a negação do direito à terra aos povos indígenas. Por isso, cerca de 850 indígenas de 48 povos de diversas regiões do país estão há mais de duas semanas em Brasília no acampamento Levante pela Terra. A apreensão em torno da possível aprovação é grande, como afirma a cacica Evani Tuxá: “Está todo mundo apreensivo, porque se realmente isso acontecer será um grande genocídio para as comunidades tradicionais. O marco temporal significa a morte, significa a destruição do sonho de ter o território demarcado”. O cacique pernambucano Sarapó Pankararu, coordenador da Articulação dos Povos e Organizações Indígenas do Nordeste, Minas Gerais e Espírito Santo (APOINME), diz ainda ter esperança de que STF não reconheça a tese do marco temporal. “Nessa última instância a única esperança que a gente tem é que se reconheça os direitos originários dos povos indígenas, que o direito indígena não tem uma data limite, principalmente o direito à terra. Isso é coisa criada por ruralistas que querem cada vez mais se apropriar de mais terras e das terras indígenas”, disse o cacique. Pelo fato desse caso ter repercussão geral jurídica para todas as demais terras indígenas, Sarapó se mostra preocupado principalmente em relação à demarcação das terras no estado de Pernambuco, já que apenas três povos têm suas terras regularizadas: os Pankararu, os Kambiwá e os Xukurú do Orarubá.“O restante de terras indígenas no estado de Pernambuco estão todas em processo de demarcação, processos iniciais. Se a tese de marco temporal vencer, vai implicar diretamente nessas outras terras todas”, ressaltou. Pernambuco tem 12 povos indígenas. Este é o caso dos Tuxá, do município de Itacuruba, sertão pernambucano, que ainda não tem suas terras regularizadas. “Estamos numa situação muito delicada e complicada, porque nosso território ainda não está demarcado, mas em fase de estudo. A gente já briga pelo grande impacto da possível instalação da usina nuclear na margem do São Francisco, dentro do nosso território”, diz a cacica Evani Tuxá.

Ela também receia que a aprovação possa “abrir as portas” para a instalação da usina nuclear, além de mineradoras e de grilagem nas terras indígenas.

Fonte: BdF Pernambuco

brasildefato

Estrei na Amazon Prime Video a ótima série “Solos”, que traz Morgan Freeman e Helen Mirren em reflexões futuristas, alternando esperança e nostalgia

Crédito: Divulgação

FILOSOFIA Anne Hathaway: estrelas, como ela, se apaixonaram pelos monólogos sensíveis de David Weil

(Crédito: Divulgação)

Entre as consequências sobre a comunidade artística, a pandemia despertou em roteiristas e diretores a vontade de refletir sobre a solidão, mas também sobre o que significa ser humano em um mundo cada vez mais tecnológico. “Solos”, nova série da Amazon Prime Video, reúne esses dois elementos de maneira sensível e reflexiva. Com episódios independentes e um elenco de grandes estrelas de Hollywood, a produção traz monólogos filosóficos ambientados em cenários futuristas. Embora trate da solidão tecnológica cada vez mais presente entre nós, o tom emocionante impede de classificar “Solos” como uma distopia. Ao contrário de outras produções recentes, a exemplo de “Black Mirror” e “The Handmaid’s Tale”, troca o terror e o medo pela melancolia para dar vida a um formato original que poderia ser batizado de “nostalgia digital”. Em meio a cabines de naves espaciais e paraísos artificiais, os personagens refletem sobre a memória, os amores perdidos e questões mal resolvidas de identidade. A série foi criada por David Weil, conhecido por “Hunters”. Além dos bons roteiros, chama a atenção a presença de grande nomes, como Morgan Freeman, Anne Hathaway e Helen Mirren, todos vencedores do Oscar. Completam o time Anthony Mackie, Emmy Uzo Aduba, Nicole Beharie, Dan Stevens e Constance Wu – sim, são oito atores em sete monólogos, mas explicar como isso acontece se tornaria um desnecessário spoiler.

Odisseias no espaço

Continue lendo

Foto: Divulgação

Em apresentação interna, obtida pelo jornal britânico Financial Times, a Nestlé reconheceu que cerca de 60% de seus produtos não são saudáveis. Em um dos trechos do comunicado, a marca admite que algumas categorias e produtos “nunca serão”, independente dos esforços da empresa.

De acordo com a apresentação, apenas apenas 37% dos alimentos e bebidas têm uma nota superior a 3,5 pontos no sistema de classificação de saúde da Austrália, que vai até 5 pontos. Na categoria de doces e sorvetes, 99% deles não alcançam a pontuação desejada. Além disso, 96% das bebidas também não atingiram esse limite. Apesar de ser reconhecido em outros países, o sistema de classificação australiano é mais flexível do que o Modelo de Perfil Nutricional da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS). Com isso, o desempenho dos produtos da Nestlé pode ser ainda pior em outros modelos de classificação. “Promovemos melhorias significativas em nossos produtos”, mas “nossa carteira ainda tem desempenho inferior se comparada a definições externas de saúde, em um panorama em que as pressões regulatórias e as exigências do consumidor disparam”, afirma a empresa na apresentação. Em outro trecho, diz que “algumas de nossas categorias e produtos nunca serão ‘saudáveis’, não importa quanto renovamos”. Ao Financial Times, a Nestlé confirmou que seus produtos não atendem a parâmetros externos de nutrição. “Acreditamos que uma dieta saudável significa encontrar um ponto de equilíbrio entre bem-estar e fruição. Isso inclui ter algum espaço para alimentos de padrões menos rigidamente controlados quando o consumidor busca prazer, com moderação. O sentido do nosso percurso não mudou, e é claro: continuamos a tornar nossa carteira mais saborosa e mais saudável”, diz a empresa.

portalveg

(Foto: @zi3000/depositphotos)

Um estudo publicado na revista BMJ Nutrition, Prevention & Health mostra que pessoas que adotam uma dieta baseada em plantas (plant based) ou no máximo com peixes têm 73% menos chance de desenvolver sintomas moderados a severos de Covid-19, quando comparados com os que seguem as demais dietas. A pesquisa chamada “Dietas à base de plantas, dietas pescetarianas e severidade de Covid-19: um estudo de caso-controle de base populacional em seis países” analisou 2884 participantes (94,8% eram médicos e 5,2% enfermeiras e assistentes) que trabalhavam na linha de frente contra a Covid-19 em seis países (França, Alemanha, Itália, Espanha, Reino Unido e Estados Unidos).Foram avaliadas a severidade e a duração da infecção, ocorridas entre 17 de julho e 25 de setembro de 2020, em 568 casos e 2316 controles. “Indivíduos que relataram seguir dietas com baixo carboidrato e alta proteína tiveram maior chance de doença grave, quando comparados com indivíduos que relataram seguir dietas baseadas em vegetais ou dietas pescetarianas com maior ingestão de vegetais, legumes e nozes, e menor ingestão de aves e carnes vermelhas e processados. Nossos resultados sugerem que uma dieta saudável rica em alimentos ricos em nutrientes pode ser considerada para proteção contra Covid-19 grave. Estudos futuros com dados detalhados de macro e micronutrientes são necessários para estudar associações entre a ingestão alimentar e a gravidade do Covid”, dizem os pesquisadores.O artigo aponta que há ainda outros estudos epidemiológicos demonstrando que “o consumo de frutas e vegetais está associado a um menor risco de infecção do trato respiratório superior, como resfriado, gripe ou sinusite”.O estudo foi feito na fase inicial da pandemia global, antes da detecção de variantes preocupantes do SARS-CoV2, “o que poderia complicar ainda mais uma análise epidemiológica multinacional, ao alavancar uma rede existente de profissionais de saúde”. E contou ainda com a resposta dos participantes sobre suas dietas, portanto “existe a possibilidade de viés de memória”.

Dietas plant based são ricas em nutrientes

Continue lendo

Após a divulgação da denúncia bomba de que o Ministério da Saúde de Bolsonaro teria pedido propina para uma empresa que intermediaria venda de doses da vacina Oxford/Astrazeneca, o líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros (PP-PR), foi às redes sociais para negar que tenha envolvimento com o esquema ilegal. A denúncia foi feita ao jornal Folha de S. Paulo por Luiz Paulo Dominguetti Pereira, representante da Davati Medical Supply. Segundo ele, a proposta de propina, que seria de 1 dólar por cada uma das 400 milhões de doses do imunizante que seriam compradas, foi feita pelo diretor de Logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias, que foi, segundo o jornal, indicado ao cargo por Barros. O deputado, inclusive, é apontado como envolvido diretamente na negociata com indícios de corrupção na compra da Covaxin, vacina indiana contra a Covid-19. “Em relação à matéria da Folha, reitero que Roberto Ferreira Dias teve sua nomeação no Ministério da Saúde no início da atual gestão presidencial, em 2019, quando não estava alinhado ao governo. Assim, repito, não é minha indicação. Desconheço totalmente a denúncia da Davati”, escreveu Barros em seu Twitter. Em outras palavras, o parlamentar responsabilizou Bolsonaro e o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, titular da pasta à época, pela nomeação do suposto corruptor.
A denúncia

Continue lendo

Vitrine: Cuidados com a pele no Verão (Foto: Envato Elements)

Vitrine: Cuidados com a pele no Verão (Foto: Envato Elements)

Durante o Verão, o cuidado com a pele deve ser redobrado,a exposição a temperaturas altas, faz com que o maior órgão do corpo humano perca água para o meio ambiente, ressecando face, lábios, cabelos e mãos. Desta forma devemos nos atentar na umectação da pele constantemente. Na rotina de skincare e dos fios o recomendado é usar: higienizador (para pele e cabelos), protetor solar (para pele e cabelos), água termal, hidratantes em loção/cremes, óleos umectantes, antimicóticos e fúngicos. A seguir, as especialistas Cristiane Pagliuchi – engenheira cosmética da WNF e Diretora Científica da Vegana – e Joyce Rodrigues – especialista em Cosmetologia e CEO da Mezzo Dermocosméticos – dão o caminho das pedras do guia completo para cuidar do corpo todo no Verão.

revistaquem

                                                                                                     Guia do protetor solar (Foto: Envato Elements)

protetor solar é indispensável sempre. Faça chuva ou faça sol, devemos usá-lo. Ele é responsável por proteger a pele contra a radiação solar, que pode causar queimaduras incômodas, surgimento de pintas, envelhecimento precoce, manchas e, em casos mais graves, o câncer de pele. Hoje em dia, existe uma grande variedade de tipos de protetores solares no mercado. “As diferenças entre eles é o que difere na hora de ser usado em cada tipo de pele, qual região vai ser protegida, o fator de proteção, coloração e qual é mais confortável e cosmeticamente aceitável para cada um usar”, afirma a dermatologista Ana Vitória Ribeiro Perecini.

revistaquem

A advogada eleitoralista Herica Nunes ingressou em 29 de setembro de 2020 com a petição de desagravo contra – Paulo de Tarso Jucá – Secretário de Saúde de São José do Egito, após um evidente descontrole emocional, ao tomar conhecimento da informação de que tinha subscrito uma ação de impugnação do requerimento de registro de candidatura pretendido pelo seu Sogro (reeleição ao mandato de prefeito), de modo desproporcional e distante de qualquer moderação, gravou um áudio e o tornou público por distribuição via whatsapp para a militância de seu Grupo Político, com claro intento de “viralizá-lo”, no qual, igualmente, não economizou uma desnecessária adjetivação negativa à esta Advogada, conforme de gravação ipsi literis: Veja só, eu já disse várias vezes se fosse um negócio de verdade, se tivesse algum fundamento tinham botado um advogado de verdade pra defender Romerio, Não ia botar uma analfabeta feito Hérica de saco de plástico não. Então, se botaram um saco de plástico, bolsa de plástico, sei lá o que foi é porque não tem validade nenhum rapaz. Claro que um, uma bolsa de plástico não ia impugnar Evandro Valadares. Então, se tivesse alguma validade, alguma coisa de verdade botava um advogado de verdade, não botava uma advogada de mentira não. (Grifamos)

“Uma analfabeta”; “um saco de plástico”: “uma bolsa de plástico”: “uma advogada de mentira”.

A mensagem veiculada pelo uso consciente deste modo grosseiro de expressão, a despeito do incontornável constrangimento imposto a minha pessoa, transcende para uma clara depreciação à classe a partir do arrogante preconceito profissional com as mulheres advogadas, assim como aos advogados de atuação fora dos grandes centros, aos bacharéis egressos dos cursos de direito instalados no interior. Assim, considerando que a conduta pública consciente do Senhor Paulo de Tasso claramente violou prerrogativas profissionais conforme demonstrado, configurou-se de pleno direito a necessidade da instauração do procedimento para finalidade de desagravo. Com o coração inundado de gratidão e certeza de justiça, recebi a notícia que o Conselho do Pleno da OAB PE votou na sessão de hoje por unanimidade favoravelmente pelo desagravo contra o Sr Paulo de Tarso Jucá, Secretário de Saúde de São José do Egito que no uso da arrogância que lhe é peculiar me deferiu agressões no último pleito eleitoral em São José do Egito.

Mas a justiça chegou.

E como advogada eleitoralista e membra da Comissão de Direito Eleitoral da OAB PE compreendo que a nossa militância nessa trincheira da advocacia não pode ser confundida com militância partidária. Nossa atuação não deve ser confundida com a política pequena, atrasada e que cria verdadeiros currais e herdeiros de coronéis, sobretudo no interior. No momento da agressão um filme passou pela minha cabeça. Minhas lutas, meus desafios, meu amor pela advocacia, minha crença na justiça. O ataque do secretário e genro do prefeito não feriu apenas a mim. Mas atingiu a advocacia, as mulheres, os eleitoralistas e a cidadania. Como é bom ser integrante da Ordem dos advogados do Brasil – seccional de Pernambuco. Como é bom ter assegurado direitos e prerrogativas no ministério da advocacia. Como é bom ser advogada pernambucana, sertaneja, pajeuzeira e Egipciense. O momento me exigiu coragem. Por sorte, como apregoou o brilhante criminalista Sobral Pinto, a “advocacia não é profissão para covardes”. Afirmação irrefutável, sobretudo  para mim, que enfrentei o machismo e a misoginia no desempenho da minha profissão e tive que superar não só o preconceito de gênero, mas também ultrapassar barreiras e quebrar paradigmas lutando contra as arbitrariedades, injustiças e abusos, desde os mais banais aos mais graves, e o fiz porque advogar é um dos pilares do

Estado Democrático de Direito.

Não foi por acaso a escalada autoritária do poder público político Egipciense teve dentre seus alvos justamente o livre exercício da advocacia – o que é lamentável e desconcertante – autoridade pública ter provocado, por meio da defesa expressa de ilegalidade, o fortalecimento de uma narrativa ambígua, que criou propositada confusão entre as nossas atividades. O que ocorreu com o aparente propósito de criminalizar a advocacia feminina. Do vizinho Uruguai, vem em nosso auxílio a voz de outro grande jurista, Eduardo Juan Couture, a nos inspirar nessa lida: “Teu dever é lutar pelo Direito; porém, quando encontrares o Direito em conflito com a Justiça, luta pela Justiça”. Ser advogada envolve uma trajetória repleta de altos e baixos… E, nesse espaço, é ainda mais difícil ser mulher. A desigualdade ainda existe, os desafios acabam sendo ainda maiores e a gente precisa se dedicar mais para ocupar o nosso espaço! Está muito melhor hoje em dia? Sim, é verdade, está sim. Mas ainda tem muito o que melhorar.

Que o episódio deixe a lição de respeito que a advocacia merece.

Minha gratidão à OAB PE em nome do presidente Bruno Baptista, da vice Ingrid Zanella e do presidente da comissão de prerrogativas Carlos Barros. A casa de todos os advogados nunca faltou à advocacia, não seria agora que iria silenciar contra um verdadeiro acinte. Não é porque estamos no sertão que somos invisíveis. A OAB mostrou isso hoje.

Vitória de Santo Antão foi o município que mais forneceu alface para a Ceasa. FOTO: IFPE/Divulgação

Os municípios pernambucanos de Vitória de Santo Antão, Camocim de São Félix, Vicência, São Vicente Ferrer, Floresta, Cabrobó, Petrolândia e Petrolina tem algo em comum quando o assunto é frutas e hortaliças. Os oito figuram na lista dos vinte maiores produtores do Brasil. Alguns deles, como Camocim e Vitória de Santo Antão no ramo das hortaliças. Outros, a exemplo de Petrolina, tanto em hortaliças quanto frutas.

A produção dois oitos municípios, segundo o Boletim Hortifrutigranjeiro deste mês da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), foi de 12.788,4 toneladas de frutas e hortaliças em maio. As nove principais centrais de abastecimento (Ceasas) do país contabilizaram 7.335 toneladas de cebola, tomate e alface vindas de quatro destes municípios pernambucanos e 5.453 toneladas de melancia, banana e maça, de cinco. Os dados, explica o boletim, “são tabulados e validados pelo próprio entreposto e encaminhados mensalmente à Conab, por meio de um arquivo previamente parametrizado, ou ainda, alimentados de um sistema de lançamento específico”. Em síntese, as informações são recebidas pela equipe técnica da companhia, que revisa os dados e disponibiliza de forma compilada, em seguida, “para acesso público”. Petrolina responde por mais de um terço de toda a produção de frutas e hortaliças no estado. Ao todo, os produtores do município distribuíram, 4.528 toneladas, sendo 3.605,9 de cebola; 443,6 de melancia; e 479 de maça. No ranking montado pela Conab, este município do Sertão do São Francisco aparece na segunda colocação de entrega de cebola, sendo o primeiro lugar o produto importado.

CEBOLA NORDESTINA
A oferta de cebola foi grande em maio. Não só de Petrolina, mas também de Cabrobó, o 12º maior produtor da hortaliça do país, e de municípios baianos, como o município vizinho de Petrolina, Juazeiro. Os números refletiram nos preços. “Em maio, houve reversão da alta de preços. A queda foi provocada pela intensificação da oferta da região Nordeste, notadamente Bahia e Pernambuco”, diz o boletim. O quilo no Recife ficou, em média, em R$ 1,80, representando uma redução de 39,60% quando comparado ao valor de abril. Em Fortaleza, também sob efeito da produção nordestina, o preço despencou 19,41%, ficando em R$ 2,99 o quilo. Ainda quanto ao ranking da Conab, Camocim de São Félix, no Agreste, e Floresta, no Sertão, despontam em terceiro lugar em duas lista. Camocim aparece nesta posição entre os produtores de tomate no Brasil, com 2.747 toneladas, atrás de Ribeirão Branco (SP) e Goianápolis (GO). A colheita de 1.315 toneladas de melancia fez Floresta ser superada apenas por Uruana e Goiânia, ambos municípios de Goiás.

De Vicência, na Mata Norte, e São Vicente Ferrer, no Agreste, saíram em maio 2.452 toneladas de banana. Vicência não só é o maior produtor da fruta do estado, como o quarto maior do país, enquanto São Vicente, o 16º nacional. A origem de tais números, explicou o técnico do IPA Luiz Gonzaga Bione, à Ceasa Pernambuco, vem em sua grande maioria de pequenas glebas, com característica de pequenos produtores.

MAÇÃ DO SÃO FRANCISCO 

Continue lendo

A Celpe vai investir R$ 225 mil no projeto de Eficiência Energética, regulado pela Aneel 
 (Foto: Celpe/Divulgação)

A Celpe vai investir R$ 225 mil no projeto de Eficiência Energética, regulado pela Aneel (Foto: Celpe/Divulgação)

Até o final do mês de setembro todas as lâmpadas da iluminação pública de Fernando de Noronha serão trocadas. Os equipamentos, que atualmente são de sódio, passarão a ter a tecnologia LED, proporcionando melhora na qualidade da iluminação e queda no custo da energia elétrica para a administração da ilha. Regulada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a ação acontece por meio do Programa de Eficiência Energética da Celpe, e conta um investimento de aproximadamente R$ 225 mil. Segundo a gerente de Eficiência Energética da Celpe, Ana Mascarenhas, o impacto no consumo será relevante. “A troca das 450 lâmpadas vai proporcionar uma diminuição de até 40% no consumo de energia elétrica da iluminação pública viária da Ilha. O LED possui uma vida útil muito maior em relação aos equipamentos existentes e com menor custo de manutenção. Isso sem contar com a sustentabilidade, pois as lâmpadas atuais não podem ser descartadas no lixo comum, por conter produtos químicos que prejudicam o meio ambiente”, afirma. A ação proporcionará uma economia de energia elétrica de cerca de  76,5 MWh/ano, o suficiente para abastecer cerca de 500 residências durante um mês. Esse não é o primeiro programa de eficiência energética implementado na Ilha de Fernando de Noronha, pela Celpe. Anteriormente, foram instaladas duas usinas solares e um ecoposto, que utiliza a geração solar com placas fotovoltaicas para abastecer os veículos elétricos locais, contribuindo assim com o processo de descarbonização do arquipélago. Além da economia, a substituição das lâmpadas em Fernando de Noronha se encontra alinhada com dois dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da agenda da ONU 2030, são eles: tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis; e fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.
DP

O ministro Marco Aurélio Mello, do STF, afirmou que Jair Bolsonaro ataca a urna eletrônica para preparar um “campo para uma impugnação” da eleição presidencial de 2022, pois sabe que pode perder o pleito no ano que vem.

(Foto: STF | ABr)

247 – O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), no programa Conversa com Bial, da Rede Globo, afirmou que Jair Bolsonaro ataca a urna eletrônica para preparar um “campo para uma impugnação” da eleição presidencial de 2022, pois sabe que pode perder o pleito no ano que vem.”Talvez o problema maior esteja nos levantamentos quanto à intenção de votos para 2022. E o presidente já prepara, porque não somos ingênuos, um campo para uma impugnação, caso não seja vencedor na candidatura à reeleição”, afirmou. O ministro, que já se declarou contra as urnas eletrônicas no passado, destacou que, “de lá para cá, ao contrário do que ocorria com o sistema anterior de cédula, não tivemos nenhum caso de impugnação séria procedente. A urna eletrônica acima de tudo preserva a vontade do eleitor”.

                                                                                       

Juliette Freire, campeã do BBB
Reprodução Instagram

Juliette Freire, campeã do BBB

Juliette Freire, campeã do “Bi Brother Brasil” , revelou que ainda não gastou nada do prêmio conquistado no reality show. Em entrevista ao “Fantástico”, a advogada contou. “[Não gastei nada], nem R$ 1 ainda”, disse com bom humor. Durante sua participação na revista eletrônica, a sister ainda comentou a estreia de seu documentário, “Você Nunca Esteve Sozinha – O Doc de Juliette”, que será disponibilizado na terça-feira (29) no Globoplay — plataforma de streaming da Globo. “Eu tô com o documentário 24 horas comigo, tem todo o trabalho, toda a equipe [trabalhando comigo]. O público vai conhecer a minha vida, de onde eu vim, porque eu sou assim e o que eu quero fazer”, disse.

gente.ig

Cemitério público de Manaus, Nossa Senhora Aparecida, localizado no bairro Tarumã
Foto: Bruno Kelly/Amazônia Real

Cemitério público de Manaus, Nossa Senhora Aparecida, localizado no bairro Tarumã

O Brasil perdeu 618 vidas para a Covid-19 nas últimas 24 horas, chegando a 514.092 óbitos pela doença desde o início da pandemia. Os dados foram divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde ( Conass ) neste domingo (27). Já o número de infectados está em 18.448.402, com 27.804.704 novos casos confirmados nas últimas 24 horas. A média móvel de óbitos está em 1.644. O ranking de estados com mais mortes pela Covid-19 é liderado por São Paulo (126.112), Rio de Janeiro (55.195) e Minas Gerais (45.924). As unidades da Federação com menos óbitos são Roraima (1.731), Acre (1.736) e Amapá (1.832). Em relação aos casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2), São Paulo também lidera, ultrapassando 3,7 milhões de casos. Minas Gerais, com mais de 1,7 milhão, e Paraná, com mais de 1,2 milhão de casos, aparecem na sequência. O estado com menos casos de Covid-19 é o Acre (85.496), seguido por Roraima (111.844) e Amapá (116.856).

ig

Brasileiros estão usando menos as redes sociais como uma ferramenta para se informar. A pesquisa do Reuters Digital News Report, feita pelo instituto da Reuters em parceria com a universidade Oxford, revela que 47% compartilham notícias por apps de mensagens como WhatsApp e Facebook Messenger, e redes sociais como Instagram, Youtube e Facebook. Mas todas as plataformas registraram queda no uso exclusivo para ver notícias.

Brasileiros estão usando menos as redes sociais para ver notícias
Brasileiros estão usando menos as redes sociais para ver notícias

Foto: Jeremy Zero/ Unsplash  / Tecnoblog

Cai percentual dos que buscam notícias no Facebook

A pesquisa cobriu 46 países: 24 na Europa, 9 na América — com 6 participantes latino-americanos —, 12 na Ásia e 3 na África. O estudo foi elaborado a partir das respostas de um questionário online, devido à pandemia de COVID-19, que procurou saber sobre modelos de negócio no setor de mídia, fontes de informação via redes sociais e desempenho de veículos de notícia, como emissoras de TV pública ou privada, sites e jornais impressos. Está gostando da notícia? Fique por dentro das principais notícias de Tecnologia Ativar notificações.O uso das redes sociais para acessar notícias no mundo inteiro continua predominante, especialmente para usuários mais jovens. O relatório destaca WhatsApp e Telegram, seu principal concorrente, como populares no hemisfério sul, especialmente em países como Brasil e Indonésia. Mas o número de brasileiros que acessa plataformas como os mensageiros e  o Facebook, YouTube, Facebook Messenger e Twitter para se informar registrou queda. Cerca de 47% usam o Facebook para descobrir notícias, ante 54% em 2019 — queda de 7%. O uso de WhatsApp para descobrir notícias caiu 5%, de 48% para 43% na comparação anual. Apenas o Instagram manteve-se estável: 30% continuam usando o app de fotos para ler matérias e reportagens.

Parcela de brasileiros que usa redes sociais para se informar:

Rede social 2020 2019
Facebook 47% 53%
WhatsApp 43% 48%
YouTube 39% 45%
Instagram 30% 30%
Facebook Messenger 11% 13%
Twitter 12% 17%

Geração Z prefere redes sociais para ver notícias, diz estudo

A pesquisa diz que jovens entre as idades de 18 a 24 anos,  a chamada de Geração Z, têm maior preferência por acessar notícias via redes sociais, sem o acessar os sites dos veículos por celular ou tablet. O mobile se estabeleceu como o dominante para navegar por notícias — 73% usam dispositivos para essa finalidade, o que foi acentuado pela COVID-19. O Brasil está acima da média global: o uso de celulares para se informar por aqui é de 77%.

Continue lendo

Botijões de gás
Botijões de gás
Foto: Marcello Casal/Agência Brasil

Dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) mostram que a alta média do gás de cozinha nas últimas quatro semanas no Brasil chegou a 4,3%, com o produto já sendo encontrado a R$ 130,00 o botijão de 13 kg no Centro-Oeste. Na média do País, o gás de cozinha custa R$ 88,94, quase 10% do salário mínimo. A Petrobras elevou o preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) em 6% em meados de junho, o primeiro aumento da gestão do general Joaquim Silva e Luna na estatal, que não realizou reajuste do combustível em maio. Já o gás natural (GNV), que recebeu reajuste de 39% em maio, subiu 1,4% nas últimas quatro semanas nos postos de abastecimento, para um preço médio de R$ 3,88 por metro cúbico, segundo a ANP.A gasolina subiu 0,6% nas últimas quatro semanas, para média de R$ 5,695 o litro; e o diesel permaneceu praticamente estável, negociado nos postos de abastecimento a um preço médio de R$ 4,498, reflexo de menos ajustes em relação ao mercado internacional. Em recente audiência pública para explicar os desinvestimentos da Petrobras na Câmara dos Deputados, o presidente da estatal afirmou que está “aguardando tendências” do preço do petróleo para novos reajustes, diante da escalada da commodity no mercado internacional. Sob a expectativa de uma elevação tímida da produção de petróleo pelos países exportadores associados da Opep+ na próxima quinta-feira, o petróleo operava em leve baixa nesta manhã, apesar de em patamar alto, cotado a US$ 75,00 o barril do tipo Brent.

A commodity entrou no patamar dos US$ 70 o barril em junho e importadores criticam a falta de alinhamento da Petrobras com o mercado externo, apesar da estatal afirmar que continua praticando a política de paridade de preços internacionais (PPI).

cnnbrasil

Material cedido ao Metrópoles

Suspeito de matar uma família no Distrito Federal e balear outras cinco pessoas numa série de assaltos em chácaras na capital do país e em Goiás, Lázaro Barbosa de Sousa, 32 anos, foi morto durante confronto com forças policiais na manhã desta segunda-feira (28/6), numa mata nas imediações da casa da ex-sogra, em Águas Lindas (GO). Mais cedo, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, fez o anúncio em suas redes sociais de que o serial killer teria sido preso. Instantes depois, agentes que trabalham na captura confirmaram que o psicopata estaria morto. O corpo foi levado para o Hospital Bom Jesus, em Águas Lindas. Após o confronto no matagal, Lázaro ainda chegou a ser socorrido e levado a uma viatura do Corpo de Bombeiros, mas não resistiu. Imagens obtidas pelo Metrópoles (foto em destaque) mostram o momento em que o maníaco chega à unidade policial em uma maca.

Confira fotos de Lázaro após a captura:

                                                                                                             
ACESSEM O VÍDEO

Ao ser cercado, Lázaro teria dito aos policiais: “Eu vou morrer, mas vou levar vocês“.

Aplausos

Os policiais que participaram da caçada ao criminoso durante 20 dias foram aplaudidos na base da força-tarefa. As pessoas ainda soltaram fogos em comemoração ao término das buscas ao foragido.

conteudo patrocinado

“Estamos felizes demais. Foram 20 dias de angústia. Sem dormir. Preocupados. Eles são guerreiros. Merecem todo o nosso apoio pela dedicação. Agora é hora de comemorar”, disse Larissa Alves, 34, moradora da região. “Gostaríamos de que ele fosse pego vivo. Ele precisava esclarecer os outros crimes. De qualquer forma, estamos aliviados. Esperávamos que fosse capturado o mais rapidamente possível. Estávamos acuados. Agora teve desfecho”, Cristiane Soares, 39, comerciante da região.

metropoles

Após 20 dias de uma megaoperação envolvendo 270 policiais, o criminoso Lázaro Barbosa foi localizado e capturado em Águas Lindas (GO), nesta segunda-feira (28). Ele foi morto na troca de tiros com os agentes de segurança pública. Transportado ainda com vida numa viatura do Corpo de Bombeiros a um hospital da região, acabou não resistindo aos ferimentos, informaram os policiais. A caçada ao bandido começou em 9 de junho, quando ele assassinou quatro pessoas de uma mesma família em Ceilândia (DF). Alguns dias depois, também foi acusado de matar o caseiro de uma propriedade no distrito de Girassol (GO). Dono de extensa ficha criminal desde 2007, incluindo assassinatos e estupros, Lázaro fugiu três vezes da cadeia nos últimos 14 anos.

Forças policiais

Os senadores de Goiás e do Distrito Federal foram unânimes em elogiar as forças policiais envolvidas no caso Lázaro. No Twitter, Vanderlan Cardoso (PSD-GO) destacou que a prisão do bandido foi primeiro comunicada pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM).

Parabéns às forças policiais de Goiás, ao governador Ronaldo Caiado e ao secretário Rodney Miranda [da Segurança Pública] pela captura do serial killer. Nossas polícias são dedicadas e merecem todo nosso respeito! Como eu disse, era questão de tempo até que nossa polícia, a mais preparada do país, capturasse o assassino. Parabéns, vocês são motivo de muito orgulho para nossa gente! Goiás não é’ disneylândia’ de bandido”, escreveu o senador.

Continue lendo

 (Procon-PE/Divulgação)

Neste final de semana, da sexta-feira (25) ao domingo (27), as fiscalizações do Procon Pernambuco, na Região Metropolitana do Recife, desarticularam uma festa particular e autuaram dois bares, sendo um interditado. De acordo com o órgão, neste ano foram somatizados cerca de 1.380 fiscalizações, sendo mais de 340 autuados e 81 interditados. As equipes do Procon PE também realizaram fiscalizações no Agreste e no Litoral. “Estamos atentos e atuantes nas fiscalizações todos os finais de semana. A participação da população denunciando ao presenciar qualquer irregularidade é fundamental para que possamos chegar aqueles que estão desrespeitando as normas com mais velocidade e precisão”, explicou o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.

Fiscalizações
No ato da fiscalização, na sexta-feira (25) um bar no Centro do Recife recebeu um auto de constatação. A equipe se deparou com alguns consumidores no estabelecimento após às 22h. No sábado (26) à noite, um estabelecimento no bairro do Ipsep, na Zona Sul do Recife, foi interditado pelos fiscais do órgão por funcionamento após o horário permitido e por promover aglomeração. Passava das 21h quando a equipe identificou o bar em pleno funcionamento. 
Na mesma noite, na Zona Norte do Recife, em uma residência na Avenida Norte, uma festa particular em comemoração ao São João foi desarticulada pelos fiscais. Cerca de 15 pessoas se encontravam em desconformidade do decreto do Governo do Estado. O local foi evacuado no ato da fiscalização. Toda a ação acontece em conjunto com a Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa), Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. 

Segundo projeção da Universidade de Washington, já são 6,9 milhões de óbitos pela doença em todo o planeta, mais do que o dobro dos dados oficiais.

“Se faz necessário que os governantes e os órgãos fiscalizem com mais rigor, isto para o bem de toda a população e que os decretos não fiquem só no papel”. Quase 600 mil pessoas morreram de Covid-19 no Brasil, indica estudo”

Por Agência O Globo 

diariodepernambuco

A atriz fez selfies exibindo seus fios totalmente loiros e chamou atenção com a mudança

Thaila Ayala impressiona com seu novo visual 

Neste domingo, 27, a famosa mostrou as novas madeixas em sua rede social e chocou ao revelar qual foi a transformação que elas passaram. Com os fios completamente loiros, a modelo surgiu deslumbrante em selfies. “Lora”, exibiu a esposa de Renato Góes (34) a novidade para os fãs. Nos comentários, os internautas aprovaram a mudança. “Tá linda”, escreveu Juliana Paes (42). Amiga próxima dela, Fiorella Mattheis (33), deixou corações. “Linda de viver”, exclamou uma seguidora. Ainda recentemente, Thaila Ayala roubou a cena na rede social ao exibir seu corpo bronzeado em um biquíni pink.

caras

02122020 1 porcento fpm

O bom desempenho da arrecadação do Imposto de Renda (IR) em 2021 motivou os Estudos Técnicos da Confederação Nacional de Municípios (CNM) a divulgarem uma nova previsão do 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de julho. Agora, a estimativa é de que o adicional viabilizado pela Emenda Constitucional – que entrará nas contas no próximo dia 8 de julho – chegue a R$ 4.973.056.363,49.

Inicialmente, a CNM divulgou previsão de R$ 4,7 bilhões. O valor foi reajustado por se tratar do IR e do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI) entre julho do ano anterior a junho do ano corrente. Assim como a previsão anterior da CNM, essa nova estimativa do primeiro 1% de 2021 foi calculada com base nos Relatório de Avaliação Fiscal e Cumprimento de Meta do governo federal e nos comunicados de repasses do Fundo.

17072021 um porcento fpmO Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas Primárias, referente ao segundo bimestre deste ano, sugere que a arrecadação de IR e de IPI será em torno de R$ 524,1 bilhões.

Como o repasse do total do FPM representa 24,5% do montante arrecadado de IR e IPI, os economistas da CNM estimam que o Fundo partilhará R$ 127,9 bilhões entre os 5.568 Municípios ao longo de todo o ano. Os valores são previsões e podem não se confirmar, pois as estimativas variam de acordo com a atividade econômica, mais precisamente, a arrecadação do IR e do IPI, que compõem o FPM.

Transferência constitucional
Contudo, a CNM reconhece a importância de divulgar os números para auxiliar os gestores locais nos seus planejamentos. “Cabe salientar que, de acordo com a redação da Emenda Constitucional 84/2014, ao 1% adicional do FPM não incide retenção do Fundeb, mas trata-se de uma transferência constitucional e por isso devem ser aplicados em Manutenção e Desenvolvimento de Ensino (MDE)”, destaca levantamento da CNM.
 A entidade também tem intensificado a luta pela aprovação do 1% do FPM de setembro, Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 391/2017, que aguarda apenas aprovação do Plenário da Câmara dos Deputados e da promulgação. A proposta prevê o aumento escalonado ao longo de quatro anos. Assim, se a PEC tiver tramitação concluída, os gestores locais vão receber mais 0,25% dos dois impostos ainda este ano.

cnm.org.br

Farias Calçados

Faça Sua Pesquisa no Google Aqui!
 
bove=""

 

Visitas
contador de visitas
Redes Sociais
Click e acesse
Zé Freitas no Facebook

Zé Freitas no Twitter
Portal Correio-PB

 
CLIQUE E ACESSE!
Parceiros