Dr. Antônio Segundo Neto

CLIQUE AQUI PARA AMPLIAR!

Dr. Antônio Segundo Neto Urologista. CRM 4891 MEDICAL CENTER Rua: Fenelon Bonvavides S/N – Andar Sala 306 Bairro: Brasília – Patos- PB. (83) 34213865 -98724.654-9993865 Tim Email agcsegundoneto@ig.com.br

Grupo Pronto

Clique Aqui para Acessar o Site!

Fale Conosco

(87) 3844.2105  9 9903.7573

Ateliê Geilson
Natura
Supermercado
Infor Master

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

Contabilize

Contatos

(87) 988420973 - (87)38591228

Portal Correio-PB

 
CLIQUE E ACESSE!

 

Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter o Flash Player instalado.

REFLEXÕES DO PASSADO E PRESENTE: PERSPECTIVA DE MELHORA PARA O FUTURO


 

Grupo participou de audiência Pública na Comissão de Direitos Humanos - Créditos: Reprodução
           Grupo participou de audiência Pública na Comissão de Direitos Humanos
                                                                           / Reprodução

Caminhoneiros foram ao Senado pedir apoio para tentar derrubar o decreto do governo federal que aumentou alíquota de PIS/Cofins que incide sobre os combustíveis. Com a medida, o óleo diesel teve aumento nas refinarias de 21 centavos por litro.

O grupo participou de audiência Pública na Comissão de Direitos Humanos e informou que os caminhoneiros ainda mantêm bloqueios em rodovias, como explica um dos líderes do movimento no Paraná, Wanderlei Alves. O movimento afirma que os bloqueios só terão fim caso o governo recue no aumento dos combustíveis. A Polícia Rodoviária Federal, no entanto, não informou a situação das rodovias por causa dos protestos, que tiveram início no dia 1º de agosto.

Odilon Pereira, liderança dos caminhoneiros em Mato Grosso, fala que a situação da categoria está insustentável. Após a reunião o senador Paulo Paim, do PT do Rio Grande do Sul, afirmou que encaminhará um documento ao presidente Michel Temer com as reivindicações da categoria. Além da derrubada do decreto que aumentou o preço dos combustíveis, o grupo pede a redução dos impostos nos postos de pedágio, a melhoria das rodovias e a aposentadoria especial para caminhoneiros.

Edição: Radioagência Nacional

brasildefato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça Sua Pesquisa no Google Aqui!
 
bove=""

 

Visitas
contador de visitas
Redes Sociais
Click e acesse
Zé Freitas no Facebook

Zé Freitas no Twitter
Parceiros