Ateliê Geilson

Natura

Natália Calçados

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIAR

  • 28
  • 22
  • 24
  • 20
  • 11
  • 09
  • 11
  • 01
  • 29
  • 03
  • 04
  • 05
  • 07
  • 02

Supermercado

Portal Correio-PB

 
CLIQUE E ACESSE!
 

 Para visualizar este conteúdo corretamente, é necessário ter oFlash Player instalado. 

REFLEXÕES DO PASSADO E PRESENTE: PERSPECTIVA DE MELHORA PARA O FUTURO


 

Foto: Jonas Pereira/Agência Senado

Foto: Jonas Pereira/Agência Senado

Foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro a Lei 13.803, de 2019, que determina a notificação imediata aos conselhos tutelares, no caso de faltas escolares de alunos dos ensinos fundamental ou médio que ultrapassarem em 30% o percentual permitido pela legislação em vigor.Até então, o procedimento era previsto somente quando o número de faltas ultrapassa o limite em 50%. Pela Lei de Diretrizes e Bases (LDB – Lei 9.394, de 1996), um aluno não pode ser aprovado caso apresente uma quantidade de faltas superior a 25% das horas-aula dadas no ano letivo.

A legislação também determina que cada escola tem a obrigação de acompanhar a frequência de seus alunos durante todo o ano letivo, de acordo com o planejamento estabelecido pela respectiva secretaria de Educação, notificando os pais e o Conselho Tutelar no caso de faltas reiteradas.O projeto que altera a atual legislação (PLC 89/2018) é da deputada federal Keiko Ota (PSB-SP), com parecer favorável da Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) apresentado pelo senador Cristovam Buarque (PPS-DF). Para ele, o Estado precisa se antecipar ao problema no sentido de reduzir o número de faltas e, com isso, combater a repetência e a evasão escolar.

A matéria foi aprovada no Plenário do Senado em dezembro do ano passado.

paraibaonline

Foto: Agência Brasil

Foto: Agência Brasil

O ministro da Justiça, Sergio Moro, pretende incluir a criminalização do chamado ´caixa 2´ eleitoral no pacote de medidas que apresentará à Câmara Federal, informa o jornal Folha de São Paulo.Desde que foi escolhido para a pasta por Jair Bolsonaro, o ex-juiz vem elaborando projetos contra a corrupção.Moro quer fazer com que a lei eleitoral seja mais clara e objetiva e que haja pena maior para a prática de uso de dinheiro não declarado por candidatos em campanhas. A proposta não inclui anistia a fatos passados – políticos processados ou investigados não seriam beneficiados. Atualmente, os casos de ´caixa 2´ são julgados com base no artigo 350 do Código Eleitoral, de falsidade ideológica, sobre o qual não há jurisprudência pacífica no Tribunal Superior Eleitoral para condenação, acrescenta o jornal. Pela lei, a pena de prisão é de até cinco anos. Moro quer punição maior.

* Fonte: UOL

Homens fofocandoDireito de imagemBBC/GETTY
Image captionHomens fofocam com a mesma frequência do que as mulheres, mas de um jeito diferente

Ulysis Cababan estava curioso. Um vizinho dele, na cidade de Cebu, nas Filipinas, o alertara sobre uma barraca de comida de rua que ambos frequentavam. Supostamente, as refeições ali seriam feitas usando água da torneira. Fofoca, ou chika-chika, faz parte do modo de vida nas Filipinas. Mas Cababan, que trabalha em uma agência de vistos, queria checar por conta própria se a fofoca era verdadeira. Então, fingindo estar procurando um lugar para lavar as mãos, deu uma olhada ao redor da área da cozinha da barraca. Cababan encontrou baldes claramente enchidos com água da torneira, em vez de mineral. Angustiado sobre as possíveis infecções que poderia contrair, avisou, então, a esposa. “Talvez por causa da fofoca, a história possa chegar mais rápido do que relatá-la a alguma autoridade”, avalia Cababan. A fofoca é frequentemente tratada com desdém ou hostilidade. Mas pode ser útil para pequenos grupos. Há uma distinção importante a ser feita aqui sobre como a maioria de nós define fofoca – uma maneira de falar mal de alguém que não está presente – e como os cientistas a definem. Na ciência social, a fofoca geralmente é caracterizada como a comunicação sobre uma pessoa que não está presente de uma maneira que envolva a avaliação dela, boa ou ruim.

Mulheres fofocandoMulheres sentadas à mesaDireito de imagemBBC/GETTY

Esse tipo de comunicação informal é crucial para compartilhar informações. A fofoca é necessária para a cooperação social; em grande parte, esse tipo de conversa cimenta vínculos sociais e elucida as normas sociais.E, diferentemente do imaginário popular, a fofoca tende a não ser negativa – em vez disso, a maioria é positiva ou neutra. Um estudo que analisou a conversa de pessoas no Reino Unido revelou que apenas 3-4% da amostra de fofocas eram maliciosas.É preciso, contudo, esclarecer a diferença entre fofoca e boato. A fofoca ocorre predominantemente dentro de um círculo social mais restrito do que o boato.Segundo Jennifer Cole, professora de psicologia social na Universidade Metropolitana de Manchester, no Reino Unido, “fofoca não é sobre coisas que estão acontecendo em um ambiente. É sobre pessoas.”

Continue lendo

Automóvel de Martha Rocha (PDT-RJ) teria sido fechado nas proximidades da Avenida Brasil por um outro veículo em que estavam quatro homens armados com fuzis

Carro de deputada é alvejado por fuzil e motorista é baleado no Rio

carro da deputada estadual Martha Rocha (PDT-RJ) foi alvo de tiros na manhã de hoje (13) e o seu motorista foi baleado na perna após intensa trocas de tiros. O crime aconteceu no bairro da Penha, na zona norte da cidade. As primeiras informações indicam que o carro em que a deputada estava foi fechado nas proximidades da Avenida Brasil por um outro veículo em que estavam quatro homens armados com fuzis. Houve intensa troca de tiros, o motorista da deputada levou um tiro na perna e foi levado para o Hospital Getúlio Vargas, também na Penha, mas já recebeu alta. A assessoria de imprensa da parlamentar informou que a deputada não foi atingida e passa bem. A deputada acompanhou o atendimento médico de seu motorista, o subtenente reformado da PM Geonísio Medeiros.Em seu segundo mandato na Assembleia Legislativa, Martha Rocha, de 59 anos, foi a primeira mulher a chefiar a Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro. Ainda não há informações se o crime teria sido um atentado ou uma tentativa de roubo de carro, uma vez que na área são constantes os roubos de veículos. Com informações da Agência Brasil. 

noticiasaominuto

Naeem Khan/inverno 2017/18 (Foto: Testino/Arquivo Vogue, Imaxtree, Condé Nast Digital Archive, Thinkstock e Divulgação )

Festeira que passa longe de produções exageradas, Lilly Sarti é adepta do coque displicente. “Tem de parecer que você acordou e prendeu sem olhar”, diz a estilista. O expert Fernando Torquatto ensina: “os fios não devem estar muito lisos. Aplique cera para dar mais textura e prenda com grampos sem o auxílio de pente”.

 

Kendall Jenner (Foto: Backgrid)

Kendall Jenner marcou presença no aniversário de 21 anos de sua irmã, Kylie, com look bem 90’s: vestido tubinho preto, sandálias de tiras finas e bolsa flúo laranja. Mesmo a bordo da produção preta total, seu visual não poderia ser mais em sintonia com as noites de verão, com penteado que funciona como ótima alternativa para quem já está cansada dos rabos de cavalo de fios lisos bem puxados:
Deixando a nuca de fora, a top prendeu os cabelos em três coques pequenos, com uma risca lateral na frente da cabeça – um dos penteados favoritos de atrizes como Rooney Mara, e que nos anos 90 era uma das assinaturas de Gwen Stefani. Fácil de copiar em casa, o look é ótima pedida repaginar a beleza para a próxima estação sem muito trabalho.

Kendall Jenner (Foto: Backgrid)
Kendall Jenner (Foto: Backgrid)

Não é novidade para ninguém que manter uma pele linda e hidratada para o dia a dia, não é nada fácil, né? E, devido à correria, a influencer Sarah Poncio deu algumas dicas de make para usar em qualquer situação. Confira: 

– Primeiro passo: a preparação da pele. Antes de tudo gosto de lavar o rosto com algum sabonete específico pro meu tipo de pele. Com a pele bem limpa começo a preparação passando algum hidratante de rosto e espero absorver, feito isso eu passo o primer pra deixar a maquiagem com um acabamento natural e fazer durar o dia todo.

– Segundo passo: o corretivo com a pele pronta pra receber a maquiagem, passo o corretivo na região das olheiras e onde mais eu perceber que precisa de algum retoque, seja alguma manchinha ou espinha. Gosto de espalhar com pincel ou esponja. 

– Terceiro passo: a base. Pro dia a dia eu costumo usar uma base mais levinha, aplico no rosto todo pra uniformizar a pele e espalho com um pincel de rosto. 

– Quarto passo: contorno do rosto com um pó bronzeador vou fazendo o contorno do rosto, aplico nas laterais da testa e nariz, e abaixo das maçãs. passo um blush rosinha nas bochechas e ilumino o centro do nariz, acima das maçãs do rosto e no canto interno dos olhos. 

– Quinto passo: olhos e sobrancelhas. Gosto de preencher as sobrancelhas com uma sombra marrom e iluminar abaixo dela, nos olhos costumo apenas passar máscara de cílios preta. 

– Sétimo passo: boca. Pra finalizar passo um lip tint vermelhinho pra deixar um aspecto saudável.

Presenciamos, hoje, um momento de extrema instabilidade política no país. Há anos não víamos tantas pessoas nas ruas buscando por um governo mais justo, mais honesto e que preze pelos direitos básicos de sua população: alimentação, educação, transporte, segurança, saúde e saneamento básico. Imagine se você pudesse fazer algo para mudar esse cenário por meio do seu trabalho!

Se você é antenado e está sempre engajado nas causas políticas e econômicas dentro e fora das redes sociais, a Gestão Pública pode ser carreira que você procura. Mas, afinal de contas, sobre o que é esse curso? Como é a atuação do profissional dessa área? Saiba que ela pode ser muito mais importante — e interessante — do que você pensa! E é por isso que escrevi o post de hoje. Continue acompanhando e confira algumas informações valiosas que você precisa saber sobre a Gestão Pública!

o que é gestão pública

O que é Gestão Pública?

Toda organização, seja ela pública ou privada, precisa de um profissional que planeje, coordene e avalie os programas e iniciativas em vigor dentro da sua empresa. No caso dos órgãos públicos, esse papel de análise e supervisão dos programas e orçamentos públicos é realizado pelo Gestor Público. A Gestão Pública consiste na aplicação de teorias da ciência da administração no gerenciamento das instituições do governo, utilizando conhecimentos sobre regulamentações legais específicas e técnicas modernas de gestão.

Os orgãos públicos são organizações do Estado que existem para fornecer à população subsídios para a sua sobrevivência: alimentação, educação, transporte, segurança, saúde e saneamento básico. Dentro desse contexto, a Gestão Pública aparece como um importante instrumento de acompanhamento e supervisão dos serviços prestados por esses órgãos.

 

Resultado de imagem para corrupção politicaResultado de imagem para corrupção politicaResultado de imagem para corrupção politicaResultado de imagem para corrupção politica

83,6% juram que não cometeram corrupção nos últimos 2 anos, diz pesquisa

Esses saca-buchas da maledicência, políticos, megaempresários, miseráveis, trapaceiros, vigaristas e embusteiros dos mensalões, petrolões, dos escândalos nacionais, que tão tragicamente estão colorindo páginas e espaços na mídia impressa e eletrônica, por possuírem ampla expertise sobre o mundo corporativo da corrupção, ah eles não perdem por esperar.

São miseráveis insanos na verdadeira acepção da palavra. São  homens e mulheres que atropelaram todos os dias as leis do país. “Homens (e mulheres) de cuja moralidade se zomba por toda parte, miseráveis buscados na ralé das ruas para se converterem em agentes da autoridade” (Rui) e que, soberbos, se consideravam intocáveis, acima dos princípios, das instituições e, mais do que isso, acima da verdade.  

Constituíram  a politicalha estritamente visando interesses pessoais imorais, cujo paradeiro é o caos político-econômico e social, onde mais fácil se torna a semeadura das sedições. E que, por anos e anos,vem tripudiando em cima da miséria de uma nação espoliada e entregue às mesquinhas paixões facciosas.

Sobre eles pende – segura por um tênue fio de cabelo – a Espada de Dâmocles. Que ela lhes seja breve. Muito breve.

À espera do Dies Irae. Sou de opinião de que este poema, escrito no Século XIII pelo frade franciscano Tommaso de Celano, inspirado na Biblia (Sofonias 1,15-16) tem algo a ver com o juiz Sérgio Moro. É, também, um dos hinos do Réquiem, de Mozart e de Verdi, e faz parte da liturgia católica do Dia de Todos os Santos.

Dies irae! Dies illa solvet saeculum in favilla; teste David cum Sibylla; quantus tremor est futurus; quando judey est venturus; cuncta stricte discurssurus. Ou seja: “Dias de ira! Aqueles dias em que os séculos dissolver-se-ão em cinza; testemunham David e Sibila; quanto terror está prestes a ser quando o juiz estiver por vir, em vias de julgar tudo severamente”.

Judex ergo cum sedebit; quidquid latet apparebit: nil inultum remanebit. Ou seja: “Quando o juiz se assentar, o oculto se revelará: nada haverá (de ficar) sem castigo”.

Nada ficará sem castigo. Do látego da justiça, esses miseráveis,chorando a própria estupidez, soltarão gemidos roufenhos à espera dos dias de angústia, de alvoroço, de assolação e de tribulação. Que o Dies Irae lhes sejam tão profícuos quanto à sordidez do seus atos.

noticiario.com.br

Em novas imagens, Queiroz se explica sobre vídeo dançando no hospital / Foto: Reprodução de vídeo

Em novas imagens, Queiroz se explica sobre vídeo dançando no hospital
Foto: Reprodução de vídeo
Estadão Conteúdo
Constança Rezende

Em novo vídeo divulgado por sua família, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício de Queiroz, deitado em uma cama, diz que a gravação em que aparece dançando no hospital Albert Einstein aconteceu porque ele quis dar “cinco segundos de alegria a uma tristeza que se tomava dentro da enfermaria”.

                                                   

O QUE É QUE FALTA ACONTECER NO BRASIL? Vejam só.

Foto: Reprodução de vídeo

Ele disse também estar revoltado com a circulação do vídeo e que estava apenas comemorando a virada do ano com a sua família.”Estão dizendo que nesse vídeo eu estava comemorando o não comparecimento meu ao Ministério Público. Isso é muita maldade”, afirmou. Queiroz afirmou que está se recuperando de uma operação para a retirada de um câncer (feita, segundo ele, no dia 1º de janeiro) e que está no aguardo para passar por um tratamento médico. “Tão logo acabe tudo isso, eu estarei pronto para esclarecer qualquer dúvida ao Ministério Público”, afirmou.Ao Estado, Queiroz disse que o tratamento poderia levar de três a seis meses. 

” Quem imbecilidade, até que ponto chegamos?

A Escola Parque, no Rio, é uma das signatárias do documento Foto: Brenno Carvalho / Agência O Globo
A Escola Parque, no Rio, é uma das signatárias do documento
Foto: Brenno Carvalho / Agência O Globo

    RIO- Escolas de alto padrão de três estados divulgaram uma carta com duras críticas ao ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez. No documento, publicado na internet na semana passada, as instituições, que seguem uma filosofia construtivista, acusam o governo de tirar o foco de problemas graves da educação brasileira e colocar como prioridade o combate a ideologias de esquerda, o que, para elas, prejudica o aprimoramento do sistema educacional. “Não concordamos que — num país em que muitos alunos não chegam a aprender a ler — se tenha como meta principal vigiar professores e criar Conselhos de Ética, nas escolas, para “zelarem pela “reta” educação moral dos alunos”. Excelência, escola é lugar de falar de alfabetização, comunicação, pensamento lógico, científico, humanidades, moral, tudo o que fundamenta o acervo cultural da humanidade”, diz um trecho da carta.

O documento é assinado pelo grupo “Critique”, que reúne quatro escolas de elite: Escola Parque, no Rio de Janeiro; Escola Balão Vermelho/Colégio Mangabeiras Parque, em Belo Horizonte; Escola da Vila e Escola Viva, ambas em São Paulo.

As escolas citam um texto chamado “Um roteiro para o MEC”, escrito pelo ministro para seu blog pessoal, no qual ele fala sobre uma estrutura armada para desmontar valores tradicionais da sociedade. As instituições rebatem dizendo que o que existe é falha na aprendizagem e destacam: “os professores não necessitam de vigilância, mas de formação e de valorização”. O texto rebate ainda o projeto Escola Sem Partido, colocado pelo ministro como uma prioridade, e critica a postura de Vélez em relação ao Enem. Segundo o ministro, o Exame deve avaliar “realmente os conhecimento” e nada mais. “Não consideramos que conhecimento são conteúdos memorizados e descontextualizados. Quanto ao receio de o aluno de ser reprovado deve-se à má qualidade da educação escolar e não a intenções perversas de quem corrige as provas”, diz a carta. O grupo finaliza dizendo que, até o momento, a postura do ministro “deixa a desejar” e pede que o gestor do MEC tenha um plano que prepare de fato os estudantes brasileiros para os desafios futuros.

oglobo.globo

Hábitos sustentáveis de beleza Foto: Shutterstock
Hábitos sustentáveis de beleza Foto: Shutterstock

Ter consciência ecológica na hora de cuidar da beleza também é uma enorme contribuição para o meio ambiente. Pedimos ajuda para aprender os caminhos a Patrícia Lima, fundadora da marca Simple Organic.

1. Mil e uma utilidades

Prefira cosméticos que sejam versáteis, como bastões multifuncionais que possam ser usados como sombra, batom e blush. Além de utilizarem menos recursos do meio ambiente, produtos com múltiplas funções são práticos e economizam espaço no nécessaire.

2. De olho nos vilões

Preste atenção nos rótulos. Petrolatos, formaldeídos, silicones e parabenos são ingredientes a serem evitados. Não precisa se tornar uma expert em química, mas procure informações sérias sobre essas substâncias para fazer escolhas conscientes.

3. Sinal importante

Na hora da compra, busque pelo selo “Eu Reciclo” estampado na embalagem. Ele é um certificado de logística reversa por compensação ambiental. Significa que, além de ajudar a natureza, o fabricante contribui para o desenvolvimento do setor de reciclagem ao gerar uma renda extra para os cooperados.

4. Transforme recipientes

Opte por produtos que tenham refil e embalagens feitas de material reciclado. Faça sua parte também ao ressignificar, por exemplo, vidros de cremes. Eles podem virar objetos decorativos e funcionais, como vasos e porta-canetas.

5. Esfolie com consciência

Fique atenta ao esfoliante facial ou corporal que usa. Em geral, eles contêm microesferas de plástico que podem contaminar os oceanos e serem engolidos por peixes. Por isso, prefira os formulados com sal marinho.

Esfoliante de sal marinho Foto: Shutterstock
Esfoliante de sal marinho Foto: Shutterstock

6. Não custa dar ideia

Sugira a sua loja ou marca favorita dar desconto em produtos novos quando você devolver embalagens vazias. Esse tipo de ação incentiva o recolhimento de frascos e potes de cosméticos para reciclagem.

7. Para todos os bolsos

Tente não pensar apenas em preço e em marketing. Há diversas opções no mercado de maquiagem e skincare naturais, orgânicos, veganos e livres de crueldade animal, com valores que competem com os de marcas sintéticas consagradas. A beleza natural anda mais acessível.

oglobo.globo

A Polícia Civil do Ceará apreendeu neste sábado (12) toneladas de explosivos que seriam utilizados em ataques criminosos no estado. Seis suspeitos, que segundo os investigadores seriam membros de uma facção criminosa com atuação em todo o Brasil, foram capturados no local onde o material foi achado, no Bairro Jangurussu, na periferia de Fortaleza. Segundo a Polícia Civil, policiais cumpriam na manhã deste sábado mandados de prisão contra suspeitos de homicídio e de ataques ao patrimônio público. No bairro, a equipe de segurança obteve informações de que o bando escondia o material explosivo, obtido em um roubo em 21 de dezembro do ano passado. A estimativa inicial é de que o depósito dos criminosos contém cerca de cinco toneladas de material utilizado para fazer dinamites, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública. O material estava contido em embalagens com o símbolo de “explosivo” e o alerta de “perigo” em três idiomas. Um caminhão do Exército recolheu a carga.

Polícia apreende toneladas de material explosivo que seria usado em ataques no Ceará — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Polícia apreende toneladas de material explosivo que seria usado em ataques no Ceará

— Foto: Polícia Civil/Divulgação

Os policiais apreenderam também munição e um carregador de pistola.Ainda conforme policiais civis, parte da carga já havia sido utilizada nos ataques que ocorrem há 11 dias no Ceará. Em alguns dos crimes, bandidos usaram explosivos em pontes, viadutos, delegacias, numa torre de telefonia e em uma torre de distribuição de energia elétrica.

Sequência de ataques

A onda de violência no estado chegou ao 11º dia seguido com 195 ataques confirmados em 43 municípios. Desde o início da sequência de crimes, 35 membros de facções criminosas foram transferidos para presídios federais, de acordo com o Ministério da Justiça.Membros de facções rivais se uniram contra o governo após o secretário da Administração Penitenciária do Ceará, Mauro Albuquerque, anunciar mais rigor na fiscalização dos presídios.

Bando preso com explosivo é ligado à facção criminosa com atuação em todo o país, diz polícia — Foto: Melquíades Júnior/SVM

Bando preso com explosivo é ligado à facção criminosa com atuação em todo o país, diz polícia

— Foto: Melquíades Júnior/SVM 

Mauro Albuqurque, ao assumir o cargo criado em 1º de janeiro deste ano, prometeu acabar com a entrada de celulares nas prisões e com a divisão de presos segundo a facção à qual pertencem. Os ataques são uma tentativa de fazer com que o estado recue. O governador do Ceará, Camilo Santana, afirmou nesta sexta-feira (11) que “não há recuo”.

g1

Apenas 9% dos brasileiros dizem que têm condições de pagar as despesas sazonais do início do ano com o próprio rendimento, mostra levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). O levantamento considera despesas como o pagamento dos impostos Predial e Territorial Urbano (IPTU) e sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e do material escolar.

dinheiro
Número dos que guardaram dinheiro para cobrir gastos do início do ano aumentou em 2018
– Arquivo/Agência Brasil

De acordo com a pesquisa, 11% dos entrevistados não fizeram planejamento financeiro para pagar tais compromissos neste início de ano. Foram entrevistadas 804 pessoas de ambos os sexos e acima de 18 anos, de todas as classes sociais, em todas as regiões brasileiras. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para um intervalo de confiança de 95%. Cresceu, por outro lado, o percentual de consumidores (21%, em 2017, para 31% em 2018) que juntaram dinheiro ao longo do ano passado para arcar com essas despesas típicas deste período. Um terço dos entrevistados disse ter guardado ao menos uma parte do 13º salário para cobrir esses gastos, enquanto 24% abriram mão das compras de natal para economizar. O levantamento aponta ainda que 19% fizeram algum bico ou trabalho extra para aumentar a renda e honrar esses compromissos.

Simulação

Continue lendo

Para quem esconjurava o empreguismo, o governo Bolsonaro não começou bem. Vários amigos dos novos donos do poder, e até o filho do vice-presidente, foram acomodados em cargos estratégicos – o que é moralmente questionável.

O presidente Jair Bolsonaro fez da extinção dos velhos hábitos da política um mantra em sua campanha. Acertadamente, elegeu como um dos maiores males o desvio do dinheiro público nas suas mais diferentes formas. Acreditando em seu discurso, o eleitor elegeu-o com grande votação. Iniciada a gestão, porém, Bolsonaro e os demais integrantes do novo governo encontram-se na obrigação de dar uma resposta aos eleitores. Antes, eles não estavam envolvidos com a corrupção pública por convicção ou por falta de oportunidade? Porque, quanto a denúncias de pequenas situações que envolvem privilégios e apadrinhamentos, já há uma série de situações moralmente questionáveis. É um tal de filho de vice-presidente promovido e triplicando o salário, amigas dos filhos do presidente guindadas a cargo estratégicos e até indicações de primeira-dama sendo referendadas pelo mandatário do País. A mais rumorosa delas envolve Antonio Hamilton Rossell Mourão, filho do vice-presidente Hamilton Mourão. Esta semana, ele foi promovido ao cargo de assessor especial da presidência do Banco do Brasil. Funcionário de carreira do banco, triplicou o seu salário decorridos somente dez dias de mandato de seu pai. Galgou de uma remuneração de R$ 12 mil, como assessor da Diretoria de Agronegócios, para um salário agora de R$ 36,3 mil. O filho do vice-presidente tem 19 anos de banco. Hamilton Mourão diz que ele era perseguido nas gestões petistas e que só agora seu mérito está sendo reconhecido – uma meia-verdade, já que o rebento foi promovido oito vezes nas gestões passadas.

Não há nada de ilegal na promoção do filho do vice-presidente. Não é um caso clássico de nepotismo, porque não há uma interferência direta de Mourão. Mas é um evidente mau exemplo em um governo preocupado em vender ares de austeridade. Que chegaram até mesmo à opção de Bolsonaro de assinar seu termo de posse com uma caneta esferográfica comum. O presidente não ficou nada satisfeito com a notícia. ISTOÉ apurou que ele se sentiu traído ao saber da promoção do filho de seu vice.

Continue lendo

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, decidiu neste sábado (12) deixar para o ministro Luis Roberto Barroso a análise do pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, para enviar à primeira instância a terceira denúncia criminal contra o ex-presidente Michel Temer. Raquel pede, ainda, a abertura de cinco inquéritos contra o emedebista, que perdeu o foro privilegiado no último dia 1º, quando passou o cargo para Jair Bolsonaro.

Ela denunciou Temer pelo caso dos portos em 19 de dezembro. Como já havia começado o recesso Judiciário, o pedido foi parar nas mãos de Toffoli, que ficou como plantonista. Em seu último dia de plantão, o presidente do Supremo entendeu que não há urgência na decisão, que poderá ser tomada por Barroso, que é o relator. A partir deste domingo o vice-presidente da corte, Luiz Fux, ficará responsável pelas decisões do tribunal até o fim do recesso, no começo de fevereiro.

Denúncias barradas

Temer ainda é alvo de outras duas denúncias e um inquérito que estão sob relatoria do ministro Edson Fachin. Como o ex-presidente não tem mais foro privilegiado, as investigações devem baixar à primeira instância.

Continue lendo

Das 842 vagas do programa Mais Médicos antes ocupadas por cubanos e que não tiveram inscritos nos dois editais voltados para brasileiros, 85% estão em cidades do Norte e do Nordeste e 51% se concentram em dois Estados: Amazonas e Pará.

Os números, tabulados pelo Estado com base em dados do Ministério da Saúde, mostram ainda que um em cada quatro postos sem inscritos está em distrito sanitário indígena. Elas estão espalhadas nos Estados do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. Nenhuma vaga no Sudeste ficou sem interessado. Já na região Sul, somente 62 vagas no Rio Grande do Sul não tiveram inscritos.

Sem atendimento

Morador de Paragominas, no sudeste do Pará, Estado com o maior número de vagas sem inscritos (240), o agricultor Josemar Alves, de 36 anos, tem sofrido ao buscar atendimento para a filha Juliana, de 5. Portadora de asma, ela apresenta constantes crises e precisa de atendimento médico para fazer inalação, uma vez que não tem aparelho em casa. Distante 300 quilômetros da capital, Paragominas é um dos municípios que ainda aguardam profissionais aderirem ao programa.

“Nos postos de saúde até encontramos médicos, mas quando um falta no plantão, não tem ninguém para ocupar a vaga. É quando sentimos a maior necessidade deles”, conta Alves.

Segundo o coordenador da Atenção Primária de Saúde do município, Roberto Gomes, a saída dos cubanos do Brasil representa uma perda a ser corrigida apenas quando os novos profissionais ocuparem as vagas. “Contamos que os médicos venham e fiquem no município. Eles fazem parte do nosso planejamento da atenção básica e a população conta com isso”, reforça. Das 11 vagas do programa abertas na cidade, três ainda não foram preenchidas pelos novos editais.

Em Breves, na região do Marajó (PA), ainda faltam sete profissionais para ocuparem as vagas. A cidade fica distante 226 quilômetros de Belém, com acesso apenas de barco ou avião de pequeno porte.

Qual a lei que tem no país que dar direitos aos funcionários públicos escolheres em qual região vão trabalha? Vamos agir presidente, falar pouco e entrar em ação, é isto que os brasileiros estão esperando.”

Os ex-governadores do Rio, Sérgio Cabral e Luiz Fernando Pezão

Folhapress

A juíza Roseli Nalin, da 15ª Vara de Fazenda Pública do Rio de Janeiro, determinou o bloqueio e indisponibilidade de bens de seis políticos, entre os quais os ex-governadores Sérgio Cabral e Luiz Fernando Pezão e o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio Jorge Picciani por suspeita de improbidade administrativa. A decisão partiu de um pedido do Ministério Público estadual, que tinha ajuizado em dezembro uma ação civil pública contra dez envolvidos em irregularidades em doações de campanha do então governador Luiz Fernando Pezão, do ex-governador Sérgio Cabral e de deputados estaduais em troca da concessão de benefícios fiscais e financeiros, que teriam financiado o grupo político. Na decisão, a juíza Roseli Nalin escreveu que “através da utilização indevida da máquina estatal os réus beneficiaram ao arrepio da lei, diversas sociedades empresariais com incentivos fiscais e financeiros em troca de propina, sendo que parte desses recursos ilícitos foi utilizada em proveito dos réus, para financiar a campanha majoritária do MDB ao governo do estado (chapa Pezão/Dornelles), bem como do então candidato a deputado federal Marco Antônio Cabral, pelo mesmo partido”, disse. A magistrada disse na decisão que houve financiamento ilícito de campanha do então deputado estadual Chistino Áureo, por meio do diretório nacional do PSD e pagamentos indevidos ao PDT, todos relativos às eleições de 2014. “Os fatos praticados constituem improbidade administrativa, tendo causado dano ao erário e enriquecimento ilícito do grupo, formando ciclo vicioso que em última seara, visou à perpetuação dos mesmos no poder político do Estado”, escreveu a juíza Roseli Nalin.

Bloqueio das contas

Nas contas bancárias, Pezão teve bloqueados R$ 31 milhões; Sérgio Cabral Filho, R$ 33 milhõesJorge Picciani , R$ 40 milhões; Hudson Braga, R$ 31 milhõesChristino Áureo da Silva, R$ 12 milhões e o deputado federal Marco Antônio Cabral, R$ 12 milhões. A Justiça determinou também o bloqueio de R$ 37 milhões do MDB, R$ 900 mil do PDT e R$ 25 mil do PSD.

“Uma nação pode ir para frente deste jeito?

Resultado de imagem para tesouro nacional Resultado de imagem para tesouro nacionalResultado de imagem para FPM

  O primeiro repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para o ano de 2019 foi feito no valor de R$ 3,1 bilhões. O montante que foi pago aos Municípios nesta quinta-feira, 10 de janeiro, leva em consideração a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).    Em valores brutos, quando somado o Fundeb, o valor é de R$ 3,9 bilhões. Segundo as informações da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), o 1º decêndio de janeiro de 2019, comparado com mesmo decêndio do ano anterior, apresentou um crescimento de 19,87%. Quando leva em conta a inflação do período, comparado ao mesmo período do ano anterior, o crescimento é de 16,05%.

www.tesouro.fazenda.gov.br

 

 

 

 

 

 

 

 

A deputada federal reeleita Erika Kokay (PT-DF) criticou a ausência do deputado estadual no Rio de Janeiro e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) ao Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) sobre o movimentação atípica de R$ 1,2 milhão por parte de Fabrício Queiroz, seu ex-assessor, identificada pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). “Flávio Bolsonaro não vai depor ao MP sobre caso Queiroz. Em vez disso, vai ao Sistema Bolsonaro de Televisão (SBT) conceder entrevista sobre o tema. Onde está a perseguição implacável contra a corrupção, hein, MP?”, questionou a parlamentar no Twitter.

No Facebook, o filho do presidente Jair Bolsonaro disse que não teve “acesso aos autos” e se comprometeu a “agendar dia e horário para apresentar os esclarecimentos” assim que se informar melhor sobre os fatos.

“Eles não sabem de nada, e o povão pagando pelo luxurias, regalias etc.”

Do 247

Faça Sua Pesquisa no Google Aqui!

 
bove=""

 

Visitas

contador de visitas

Redes Sociais

Click e acesse
CLIQUE AQUI e fale com os ministros, fiquem de OLHO bem aberto alguma informação entre em contato com os ministros.

CLIQUE AQUI e veja receita e despesa do seu municípios.

Aqui você encontra informações sobre a aplicação do dinheiro público nos municípios e no estado de Pernambuco.

Zé Freitas no Facebook

Zé Freitas no Twitter

Parceiros